fbpx

Sociedade Protetora dos Desvalidos lança portal e disponibiliza parte de seu acervo revitalizado com prêmio recebido pela Fundação Pedro Calmon.

0

O espaço centenário já acolhe na chegada e nos dá a dimensão de uma viagem no tempo. O mobiliário e o altar presentes na sede da entidade remetem a resistência dos negros a uma Bahia escravista e a importância do acervo salvaguardado pela SPD não tem valor material, tendo sido inclusive reconhecido pela UNESCO como patrimônio imaterial da humanidade.

Premiada pela Fundação Pedro Calmon, com recursos da lei Aldir Blanc, a SPD recuperou livros, atas e documentos do acervo da entidade com objetivo de disponibilizar o material de pesquisa para a sociedade e no próximo dia 25 de maio às 20h00 realiza o lançamento do novo portal, que contará com a participação de Andréia Moraes de Souza, Amanda Andreza Paz e Mazai Purificação, responsável pela revitalização do portal. O lançamento também contará com a participação especial da Musicista Lú Santana.

A Associação Protetora dos Desvalidos- SPD, é a primeira organização civil negra no Brasil, fundada em 1832 por Manoel Victor Serra, um africano livre, que vivia de ganho, comercializando água nas imediações da Ladeira Preguiça. Juntou-se a mais 18 homens negros livres e através de ajuda mútua e outras estratégias de colaboração compravam cartas de alforria e proporcionavam aos ex-escravizados condições sociais para sua autonomia inclusive oferecendo curso de formação nos ofícios da época.  Restabelecer os direitos civis de homens e mulheres negras, submetidos a escravidão sempre foi seu principal objetivo.

A sociedade prosseguiu no seu ideal cumprindo o programa social inicial e incluiu atividades de promoção de políticas abolicionistas, participando de lutas e revoltas que ajudaram na abolição da Escravatura. Para obtenção de recursos financeiros a fim de executar seus programas sociais, a Sociedade, além de receber contribuições dos associados, funcionou também como Casa de Empréstimos a Juros (Monte de Socorro) operando com Penhores, Hipotecas e Imóveis e Loterias.

​Atua ainda hoje com os Desvalidos, contemporâneos, a juventude negra, vítimas do racismo da desigualdade social, o apoio as comunidades quilombolas, apoio a estudantes quilombolas e africanos, fomentando a mobilidade social e acadêmica. Participar da sociedade de forma ativa é o nosso desafio.

Serviços Lançamento Portal:

Data: 20/05/2021 | Horário: 20h00 |Facebook Associação Protetora dos Desvalidos

Assessoria de imprensa: Lígia Margarida Gomes

E-mail: spdesvalidos@yahoo.com.br

Telefone:  71. 98704-9648

 

Share.

About Author

Leave A Reply